Pixabay -
Pixabay 1
Pixabay
Pixabay
Wikipedia

O que você sabe sobre a família real britânica?

A monarquia britânica atrai as atenções não apenas de quem reside no Reino Unido, mas em todo o planeta. Não à toa, o casamento real entre o príncipe William e Kate Middleton foi um dos temas mais comentados em 2011 e o nascimento dos dois filhos do casal atraiu a atenção do mundo.

Mas por qual motivo, em pleno século 21, as pessoas se interessam pela realeza? A explicação, talvez, esteja no fato de que tudo que envolve reis, rainhas, príncipes e princesas – de certa forma –  traz uma espécie de “fascínio”, como se houvesse um resquício de contos de fadas e isso tudo interessa muitas pessoas. Será mesmo? Bom, de qualquer forma, nós listamos abaixo algumas curiosidades sobre a família real britânica. Boa leitura!

Sem poder político

Por mais que a rainha Elizabeth 2ª seja sempre listada entre as pessoas mais poderosas e influentes do mundo, na prática ela não tem autonomia política para governar o seu “reino”. A rainha participa de cerimônias simbólicas e representa a nação em eventos ou reuniões pelo mundo, mas não é, efetivamente, a chefe de governo.

Na prática, ela não exerce poder, quem tem autonomia para governar é o primeiro-ministro. Hoje, o cargo está nas mãos de David Cameron. Então, não é exagero algum dizer que a rainha tem poder simbólico.

Elizabeth é a monarca a ocupar mais tempo no trono britânico

A rainha Elizabeth 2ªocupa há mais de 63 anos o maior posto da monarquia britânica, superando em dias a sua tataravó, a rainha Vitória. Elizabeth assumiu o trono aos 25 anos, após a morte de seu pai, o rei George 6º.  Hoje, a rainha está com 89 anos. Bom, Elizabeth estava em viagem pela África do Sul, quando soube da morte do rei.

O rei que abdicou do reino por amor

O então rei Eduardo 8º, tio de Elizabeth 2ª, renunciou ao posto de rei para se casar com a socialite norte-americana Wallis Simpson, que na época era divorciada. Ela teve dois casamentos, e dessa forma, Eduardo sofreu resistência da família real, que não aprovava a união do rei com a norte-americana.

Para ficar com Wallis, Eduardo optou pela abdicação do reino, nos anos 30, e se casou meses depois com Wallis. Ela se tornou duquesa de Windsor, mas sem ser chamada de alteza, pois era mencionada como “sua graça”.

Funeral de Diana foi um dos eventos mais vistos no mundo

A princesa Diana, ou simplesmente Lady Di, foi uma das personalidades da família real britânica mais populares de todos os tempos. Ela morreu em 1997, em um acidente de carro, em 1997. O seu funeral está entre os eventos que contou com mais audiência em todo o mundo, foram mais de 2,5 bilhões de pessoas que assistiram à cerimônia fúnebre, transmitida por emissoras de vários lugares do planeta.

O Estandarte Real

A bandeira pertence à família real e é sempre hasteada em locais em que a rainha está presente, mas também é usada em alguns órgãos oficiais do governo britânico. Lembrando também que nas igrejas, o Estandarte Real está presente apenas na Abadia de Westminster.

The following two tabs change content below.
Letícia Veloso

Letícia Veloso

Jornalista com experiência em rádio, TV e web at monvoyage.net.br
Muita predileção por literatura, filmes de arte, destinos turísticos exóticos e heavy metal clássico.

Não há Tags

976 visualizações, 1 hoje